Home Authors Posts by Academia Brasileira de Cinema

Academia Brasileira de Cinema

A Academia Brasileira de Cinema acaba de divulgar a lista com os filmes finalistas do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2018. Bingo, o Rei das Manhãs, de Daniel Rezende, é o campeão de indicações (15), seguido por A Glória e a Graça, de Flávio Tambellini (10) e Como Nossos Pais, de Laís Bodanzky (10). Este ano, a disputa reúne 36 longas e 20 curtas nacionais, além de 5 longas estrangeiros, que concorrem ao Troféu Grande Otelo em 25 categorias. Com direção de Ivan Sugahara, a cerimônia será realizada no dia 18 de setembro, na Cidade das Artes, no Rio, com transmissão ao vivo do Canal Brasil para todo país. A grande homenageada da noite será Fernanda Montenegro, que celebra 75 anos de carreira.

“A Academia representa todas as gerações de cineastas, desde a turma do Cinema Novo até diretores jovens que vêm se destacando nos últimos anos. E os indicados para o prêmio refletem essa pluralidade em longas de ficção dos mais diversos gêneros, documentários, curtas-metragens e filmes de animação em geral”, diz o presidente da Academia Brasileira de Cinema, Jorge Peregrino, eleito em junho após votação do Conselho Deliberativo. O cargo estava vago desde a morte de Roberto Farias, em maio. A nova diretoria da Academia é composta por Paulo Mendonça (diretor vice-presidente), Bárbara Paz (diretora secretária), Alexandre Duvivier (diretor financeiro) e Iafa Britz (diretora social).

Uma das curiosidades desta edição é o aumento expressivo de filmes na categoria Melhor Longa-Metragem de Animação, que tradicionalmente tem no máximo duas produções inscritas e que, pela primeira vez, terá cinco filmes concorrendo ao Troféu Grande Otelo. O crescimento reflete o amadurecimento da produção nacional. Depois da indicação de O Menino e o Mundo, de Alê Abreu, ao Oscar em 2016, a animação brasileira voltou a ter grande visibilidade internacional com a homenagem que recebeu, em junho, no tradicional Festival de Annecy, na França.

Os finalistas do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro são escolhidos pelos sócios da Academia em votação sigilosa pela internet, apurada pela PwC. Os vencedores serão escolhidos no segundo turno, quando além dos membros da Academia, o público vota nos seus favoritos nas categorias Melhor Longa-Metragem Ficção, Melhor Longa-Metragem Documentário e Melhor Longa-Metragem Estrangeiro.

O Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2018 é uma realização da Academia Brasileira de Cinema em coprodução com a Kuarup Audiovisual. Tem patrocínio master da TV Globo, patrocínio do Canal Brasil através da Lei Federal de Incentivo à Cultura e patrocínio do BRDE/FSA-Ancine.

Para baixar fotos dos filmes, acesse o site oficial do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro:

http://gp2018.academiabrasileiradecinema.com.br/imprensa

OS FINALISTAS DO GRANDE PRÊMIO DO CINEMA BRASILEIRO 2018


MELHOR LONGA-METRAGEM DE FICÇÃO

A GLÓRIA E A GRAÇA, de Flávio Ramos Tambellini
BINGO – O REI DAS MANHÃS, de Daniel Rezende
COMO NOSSOS PAIS, de Laís Bodanzky
ERA O HOTEL CAMBRIDGE, de Eliane Caffé
GABRIEL E A MONTANHA, de Fellipe Barbosa

MELHOR LONGA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO

CORA CORALINA – TODAS AS VIDAS, de Renato Barbieri
DIVINAS DIVAS, de Leandra Leal
NO INTENSO AGORA, de João Moreira Salles
PITANGA, de Beto Brant e Camila Pitanga
UM FILME DE CINEMA, de Walter Carvalho

MELHOR LONGA-METRAGEM COMÉDIA
FALA SÉRIO, MÃE!, de Pedro Vasconcelos
DIVÓRCIO, de Pedro Amorim
LA VINGANÇA, de Fernando Fraiha
MALASARTES E O DUELO COM A MORTE, de Paulo Morelli
OS PARÇAS, de Halder Gomes

MELHOR LONGA-METRAGEM DE ANIMAÇÃO
AS AVENTURAS DO PEQUENO COLOMBO, de Rodrigo Gava
BRUXARIAS, de Virginia Curia Martinez
BUGIGANGUE NO ESPAÇO, de Ale McHaddo.
HISTORIETAS ASSOMBRADAS – O FILME, de Victor-Hugo Borges
LINO – UMA AVENTURA DE SETE VIDAS, de Rafael Ribas

MELHOR LONGA-METRAGEM INFANTIL
DETETIVES DO PRÉDIO AZUL, de André Pellenz. Produção: Sandi Adamiu, Marcio Fraccaroli, André Fraccaroli, André Pellenz por Paris Entretenimento
UM TIO QUASE PERFEITO, de Pedro Antonio. Produção: Mariza Leão e Erica Iootty por Morena Filmes

MELHOR DIREÇÃO
DANIEL REZENDE por Bingo – O Rei das Manhãs
DANIELA THOMAS por Vazante
ELIANE CAFFÉ por Era o Hotel Cambridge
FELLIPE BARBOSA por Gabriel e a Montanha
LAÍS BODANZKY por Como Nossos Pais

MELHOR ATRIZ
CAROLINA FERRAZ como GLÓRIA por A Glória e a Graça
CAROLINE ABRAS como CRIS por Gabriel e a Montanha
DIRA PAES como TONINHA por Redemoinho
LEANDRA LEAL como LÚCIA por Bingo – O Rei das Manhãs
MARIA RIBEIRO como ROSA por Como Nossos Pais
MARJORIE ESTIANO como EMÍLIA por Entre Irmãs

MELHOR ATOR
ALEXANDRE NERO como JOÃO CARLOS MARTINS ADULTO por João, o Maestro
IRANHDIR SANTOS como LUZIMAR por Redemoinho
JESUÍTA BARBOSA como PEDRO MALASARTES por Malasartes e o Duelo com a Morte
JOÃO PEDRO ZAPPA como GABRIEL por Gabriel e a Montanha
VLADIMIR BRICHTA como AUGUSTO MENDES por Bingo – O Rei das Manhãs

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
ANA LUCIA TORRE como MARTA MENDES por Bingo – O Rei das Manhãs
CAMILLA AMADO como BIBICA por Redemoinho
CLARISSE ABUJAMRA como CLARICE por Como Nossos Pais
LETÍCIA COLIN como LINDALVA por Entre Irmãs
SANDRA CORVELONI como GRAÇA por A Glória e a Graça

MELHOR ATOR COADJUVANTE
AUGUSTO MADEIRA como VASCONCELOS por Bingo – O Rei das Manhãs
CESAR MELLO como OTÁVIO por A Glória e a Graça
CLÁUDIO JABORANDY como DR. DUARTE por Entre Irmãs
FABRICIO BOLIVEIRA como JEREMIAS por Vazante
FELIPE ROCHA como PEDRO por Como Nossos Pais
JORGE MAUTNER como HOMERO por Como Nossos Pais
SELTON MELLO como PACO por O Filme da Minha Vida

MELHOR DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA
LULA CARVALHO; ASC/ABC por Bingo – O Rei das Manhãs
FELIPE REINHEIMER por Soundtrack
GUSTAVO HADBA por A Glória e a Graça
INTI BRIONES por Vazante
WALTER CARVALHO por O Filme da Minha Vida

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
CAROL BENJAMIN, LEANDRA LEAL, LUCAS PARAIZO E NATARA NEY por Divinas Divas
DANIELA THOMAS E BETO AMARAL por Vazante
ELIANE CAFFÉ, INÊS FIGUEIRO E LUIS ALBERTO DE ABREU por Era o Hotel Cambridge
FABIO MEIRA por As Duas Irenes
LAÍS BODANZKY E LUIZ BOLOGNESI por Como Nossos Pais
LUIZ BOLOGNESI por Bingo – O Rei das Manhãs
MARCELO GOMES por Joaquim
MIKAEL DE ALBUQUERQUE E LUSA SILVESTRE por A Glória e a Graça

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
FLÁVIA LINS E SILVA, LG BAYÃO E MIRNA NOGUEIRA – adaptado da série “DPA – Detetives do Prédio Azul”, de Flávia Lins e Silva – por Detetives do Prédio Azul
GEORGE MOURA – adaptado da obra “Inferno Provisório – O Mundo Inimigo Vol II” de Luiz Ruffato – por Redemoinho
MARCELO VINDICATTO E SELTON MELLO – adaptado da obra “Um pai de cinema”, de Antonio Skármeta – por O Filme da Minha Vida
MIKAEL DE ALBUQUERQUE – adaptado do livro “3000 Dias no Bunker – um plano na cabeça e um país na mão”, de Guilherme Fiuza – por Real – O Plano Por trás da História
PATRÍCIA ANDRADE – baseado da obra “A Costureira e o Cangaceiro”, de Frances de Pontes Peebles – por Entre Irmãs

MELHOR DIREÇÃO DE ARTE
CARLA CAFFÉ por Era o Hotel Cambridge
CÁSSIO AMARANTE por Bingo – O Rei das Manhãs
CLAUDIO AMARAL PEIXOTO por Entre Irmãs
CLAUDIO AMARAL PEIXOTO por João, o Maestro
CLAUDIO AMARAL PEIXOTO por O Filme da Minha Vida

MELHOR FIGURINO
ANA AVELAR por Entre Irmãs
CÁSSIO BRASIL por Como Nossos Pais
CÁSSIO BRASIL por Vazante
KIKA LOPES por O Filme da Minha Vida
VERÔNICA JULIAN por Bingo – O Rei das Manhãs

MELHOR MAQUIAGEM
ANNA VAN STEEN por Bingo – O Rei das Manhãs
ANNA VAN STEEN por Malasartes e o Duelo com a Morte
EMI SATO por João, o Maestro
MARCOS FREIRE por A Glória e a Graça
MARLENE MOURA E UIRANDÊ HOLANDA por O Filme da Minha Vida

MELHOR EFEITO VISUAL
DIEGO MORONE, LUCIANO NEVES E LUIZ ADRIANO por Soundtrack
GUILHERME RAMALHO, LUIS CARONE E DANIEL DIAS por Bingo – O Rei das Manhãs
HUGO GURGEL por Joaquim
OMAR COLOCCI por O Rastro
RICARDO BARDAL por Malasartes e o Duelo com a Morte

MELHOR MONTAGEM FICÇÃO
BRUNO LASEVICIUS E JULIA PECHMAN por João, o Maestro
MÁRCIO HASHIMOTO por Bingo – O Rei das Manhãs
MÁRCIO HASHIMOTO por Era o Hotel Cambridge
RODRIGO MENECUCCI por Como Nossos Pais
SÉRGIO MEKLER por A Glória e a Graça

MELHOR MONTAGEM DOCUMENTÁRIO
ABIGAIL SPINDEL por Waiting For B
EDUARDO ESCOREL E LAÍS LIFSCHITZ por No Intenso Agora
GIBA ASSIS BRASIL por Quem é Primavera das Neves
JULIANA MUNHOZ por Pitanga
NATARA NEY por Divinas Divas

MELHOR SOM
BRUNO ARMELIN, EVANDRO LIMA, MARCEL COSTA, PEDRO SÁ, DAMIÃO LOPES E GUSTAVO LOUREIRO por Memória em Verde e Rosa
FELIPPE SCHULTZ MUSSEL, VINÍCIUS LEAL E JESSE MARMO por Divinas Divas
GEORGE SALDANHA, BERNARDO UZEDA E ARMANDO TORRES JR; ABC por O Filme da Minha Vida
GEORGE SALDANHA, FRANÇOIS WOLF E ARMANDO TORRES JR; ABC por João, o Maestro
JORGE REZENDE, ALESSANDRO LAROCA, EDUARDO VIRMOND LIMA, RENAN DEODATO E ARMANDO TORRES JR; ABC por Bingo – O Rei das Manhãs
JOSÉ MOREAU LOUZEIRO, SIMONE ALVES E ARIEL HENRIQUE por A Glória e a Graça

MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL
ANTONIO PINTO por Como Nossos Pais
ARTHUR B. GILLETTE por Gabriel e a Montanha
BETO VILLARES por Bingo – O Rei das Manhãs
PEDRO TAMBELLINI por A Glória e a Graça
PLÍNIO PROFETA por O Filme da Minha Vida

MELHOR TRILHA SONORA
BETO VILLARES por Malasartes e o Duelo com a Morte
GUILHERME VAZ E MARCO ANTONIO GUIMARÃES por Um Filme de Cinema
JULIO BRESSANE por Beduino
MAURO LIMA, FAEL MONDEGO E FÁBIO MONDEGO por João, o Maestro
PAULÃO 7 CORDAS por Memória em Verde e Rosa
RICA AMABIS E BETH BELI por Pitanga

MELHOR LONGA-METRAGEM ESTRANGEIRO
BLADE RUNNER 2049/Blade Runner 2049 (EUA) – dirigido por Denis Villeneuve. Distribuição Sony Pictures
DUNKIRK/Dunkirk (EUA) – dirigido por Christopher Nolan. Distribuição: WarnerBros
EU, DANIEL BLAKE/I, Daniel Blake (Inglaterra) – dirigido por Ken Loach. Distribuição: Imovision
LA LA LAND – CANTANDO ESTAÇÕES/La la Land (EUA) – dirigido por Damien Chazelle. Distribuição Paris Filmes
UMA MULHER FANTÁSTICA/Una Mujer Fantástica (Chile) – dirigido por Sebastian Lelio. Distribuição: Imovision

MELHOR CURTA-METRAGEM ANIMAÇÃO
ANIMAIS, de Guilherme Alvernaz
O VIOLEIRO FANTASMA, de Wesley Rodrigues
PELEJA DO SERTÃO, de Fabio Miranda
SOB O VÉU DA VIDA OCEÂNICA, de Quico Meirelles
TORRE, de Nádia Mangolini
VÊNUS-FILÓ A FADINHA LÉSBICA, de Sávio Leite

MELHOR CURTA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO
BAMBAS, de Anna Furtado
BORÁ, de Angelo Defanti
CANDEIAS, de Reginaldo Faria & Ythallo Rodrigues
EM BUSCA DA TERRA SEM MALES, de Anna Azevedo
O GOLPE EM 50 CORTES OU A CORTE EM 50 GOLPES, de Lucas Campolina
O QUEBRA-CABEÇA DE SARA, de Allan Ribeiro
OCUPAÇÃO DO HOTEL CAMBRIDGE, de Andrea Mendonça

MELHOR CURTA-METRAGEM FICÇÃO
A PASSAGEM DO COMETA, de Juliana Rojas
CHICO, de Irmãos Carvalho
DE TANTO OLHAR O CÉU GASTEI MEUS OLHOS, de Nathália Tereza
NADA, de Gabriel Martins
TENTEI, de Laís Melo
THE BEAST, de Michael Wahrmann e Samantha Nell
VACA PROFANA, de René Guerra

TODOS OS FILMES FINALISTAS E SUAS INDICAÇÕES

BINGO – O REI DAS MANHÃS (15 INDICAÇÕES)
Longa-metragem Ficção: Produção Caio Gullane, Fabiano Gullane e Debora Ivanov por Gullane e Dan Klabin por Empyrean
Direção: DANIEL REZENDE
Atriz: LEANDRA LEAL como LÚCIA
Ator: VLADIMIR BRICHTA como AUGUSTO MENDES
Atriz Coadjuvante: ANA LUCIA TORRE como MARTA MENDES
Ator Coadjuvante: AUGUSTO MADEIRA como VASCONCELOS
Direção de Fotografia: LULA CARVALHO
Roteiro Original: LUIZ BOLOGNESI
Direção de Arte: CÁSSIO AMARANTE
Figurino: VERÔNICA JULIAN
Maquiagem: ANNA VAN STEEN
Efeito Visual: GUILHERME RAMALHO, LUIS CARONE E DANIEL DIAS
Montagem Ficção: MÁRCIO HASHIMOTO
Som: JORGE REZENDE, ALESSANDRO LAROCA, EDUARDO VIRMOND LIMA, RENAN DEODATO E ARMANDO TORRES JR
Trilha Sonora Original: BETO VILLARES

A GLÓRIA E A GRAÇA (10 INDICAÇÕES)
Longa-metragem de Ficção: Produção Flávio Ramos Tambellini, Alexandre Coutinho, Carolina Ferraz por Tambellini Filmes
Atriz: CAROLINA FERRAZ como GLÓRIA
Atriz Coadjuvante: SANDRA CORVELONI como GRAÇA
Ator Coadjuvante: CESAR MELLO como OTÁVIO
Direção de Fotografia: GUSTAVO HADBA
Roteiro Original: MIKAEL DE ALBUQUERQUE E LUSA SILVESTRE
Maquiagem: MARCOS FREIRE
Montagem: SÉRGIO MEKLER
Som: JOSÉ MOREAU LOUZEIRO, SIMONE ALVES E ARIEL HENRIQUE
Trilha Sonora Original: PEDRO TAMBELLINI

COMO NOSSOS PAIS (10 INDICAÇÕES)
Melhor Longa-metragem Ficção: Produção Caio Gullane, Fabiano Gullane e Debora Ivanov por Gullane e Laís Bodanzky e Luiz Bolognesi por Buriti Filmes
Direção: LAÍS BODANZKY
Atriz: MARIA RIBEIRO como ROSA
Atriz Coadjuvante: CLARISSE ABUJAMRA como CLARICE
Ator Coadjuvante: FELIPE ROCHA como PEDRO
Ator Coadjuvante: JORGE MAUTNER como HOMERO
Roteiro Original: LAÍS BODANZKY E LUIZ BOLOGNESI
Figurino: CÁSSIO BRASIL
Montagem Ficção: RODRIGO MENECUCCI
Trilha Sonora Original: ANTONIO PINTO

O FILME DA MINHA VIDA (08 INDICAÇÕES)
Ator Coadjuvante: SELTON MELLO como PACO
Direção de Fotografia: WALTER CARVALHO
Roteiro Adaptado: MARCELO VINDICATTO E SELTON MELLO
Direção de Fotografia: CLAUDIO AMARAL PEIXOTO
Figurino: KIKA LOPES
Maquiagem: MARLENE MOURA E UIRANDÊ HOLANDA
Som: GEORGE SALDANHA, BERNARDO UZEDA E ARMANDO TORRES JR
Trilha Sonora Original: PLÍNIO PROFETA

ENTRE IRMÃS (06 INDICAÇÕES)
Atriz: MARJORIE ESTIANO como EMÍLIA
Atriz Coadjuvante: LETÍCIA COLIN como LINDALVA
Ator Coadjuvante: CLÁUDIO JABORANDY como DR. DUARTE
Roteiro Adaptado: PATRÍCIA ANDRADE
Direção de Arte: CLAUDIO AMARAL PEIXOTO
Figurino: ANA AVELAR

JOÃO, O MAESTRO (06 INDICAÇÕES)
Ator: ALEXANDRE NERO como JOÃO CARLOS MARTINS ADULTO
Direção de Arte: CLAUDIO AMARAL PEIXOTO
Maquiagem: EMI SATO
Montagem Ficção: BRUNO LASEVICIUS E JULIA PECHMAN
Som: GEORGE SALDANHA, FRANÇOIS WOLF E ARMANDO TORRES JR
Trilha Sonora: MAURO LIMA, FAEL MONDEGO E FÁBIO MONDEGO

ERA O HOTEL CAMBRIDGE (05 INDICAÇÕES)
Longa-metragem Ficção: Produção André Montenegro e Rui Pires por Aurora Filmes e Edgar Tenembaum e Amiel Tenenbaum por Tu Vas Voir
Direção: ELIANE CAFFÉ
Roteiro Original: ELIANE CAFFÉ, INÊS FIGUEIRO E LUIS ALBERTO DE ABREU
Direção de Arte: CARLA CAFFÉ
Montagem Ficção: MÁRCIO HASHIMOTO

GABRIEL E A MONTANHA (05 INDICAÇÕES)
Longa-metragem Ficção: Produção Roberto Berliner e Rodrigo Letier por TV Zero e Clara Linhart e Fellipe Barbosa por Gamarosa Filmes e Yohann Cornu por Damned Films
Direção: FELLIPE BARBOSA
Atriz: CAROLINE ABRAS como CRIS
Ator: JOÃO PEDRO ZAPPA como GABRIEL
Trilha Sonora Original: ARTHUR B. GILLETTE

MALASARTES E O DUELO COM A MORTE (05 INDICAÇÕES)
Longa-metragem Comédia: Produção Andrea Barata Ribeiro, Bel Berlinck e Paulo Morelli por O2 Filmes
Ator: JESUÍTA BARBOSA como PEDRO MALASARTES
Maquiagem: ANNA VAN STEEN
Efeito Visual: RICARDO BARDAL
Trilha Sonora: BETO VILLARES

VAZANTE (05 INDICAÇÕES)
Direção: DANIELA THOMÁS
Ator Coadjuvante: FABRICIO BOLIVEIRA como JEREMIAS
Direção de Fotografia: INTI BRIONES
Roteiro Original: DANIELA THOMAS E BETO AMARAL
Figurino: CÁSSIO BRASIL

REDEMOINHO (04 INDICAÇÕES)
Atriz: DIRA PAES
Ator: IRANHDIR SANTOS como LUZIMAR
Atriz Coadjuvante: CAMILLA AMADO como BIBICA
Roteiro Adaptado: GEORGE MOURA

DIVINAS DIVAS (04 INDICAÇÕES)
Longa-metragem Documentário: Produção Carol Benjamin, Leandra Leal e Rita Toledo por Daza Filmes e Natara Ney
Roteiro Original: CAROL BENJAMIN, LEANDRA LEAL, LUCAS PARAIZO E NATARA NEY
Montagem Documentário: NATARA NEY
Som: FELIPPE SCHULTZ MUSSEL, VINÍCIUS LEAL E JESSE MARMO

PITANGA (03 INDICAÇÕES)
Longa-metragem Documentário: Produção Beto Brant e Renato Ciasca por Drama Filmes, Antonio Pitanga e Rocco Pitanga por Gangazumba Produções e Camila Pitanga por Paraguassu Produções.
Montagem Documentário: JULIANA MUNHOZ
Trilha Sonora: RICA AMABIS E BETH BELI

UM FILME DE CINEMA (2 INDICAÇÕES)
Longa-metragem Documentário: Produção Marcello Ludwig Maia por República Pureza
Trilha Sonora: GUILHERME VAZ E MARCO ANTONIO GUIMARÃES

NO INTENSO AGORA (2 INDICAÇÕES)
Longa-metragem Documentário: Produção Maria Carlota Bruno por VideoFilmes
Montagem Documentário: EDUARDO ESCOREL E LAÍS LIFSCHITZ

SOUNDTRACK (2 INDICAÇÕES)
Direção de Fotografia: FELIPE REINHEIMER
Efeito Visual: DIEGO MORONE, LUCIANO NEVES E LUIZ ADRIANO

JOAQUIM (2 INDICAÇÕES)
Roteiro Original: MARCELO GOMES
Efeito Visual: HUGO GURGEL

MEMÓRIA EM VERDE E ROSA (2 INDICAÇÕES)
Som: BRUNO ARMELIN, EVANDRO LIMA, MARCEL COSTA, PEDRO SÁ, DAMIÃO LOPES E GUSTAVO LOUREIRO
Trilha Sonora: PAULÃO 7 CORDAS

DETETIVES DO PRÉDIO AZUL (2 INDICAÇÕES)
Longa-metragem Infantil: Produção Sandi Adamiu, Marcio Fraccaroli, André Fraccaroli, André Pellenz por Paris Entretenimento
Roteiro Adaptado: FLÁVIA LINS E SILVA, LG BAYÃO E MIRNA NOGUEIRA

FALA SÉRIO, MÃE!
Longa-metragem Comédia: Produção André Carreira por Camisa Listrada e Tuinho Schwartz por Focus Entretenimento

DIVÓRCIO
Longa-metragem Comédia: Produção LG Tubaldini Jr por Filmland Internacional

LA VINGANÇA
Longa-metragem Comédia: Produção João Queiroz e Justine Otondo por Querosene Produções Artísticas e Cinematográficas

OS PARÇAS
Longa-metragem Comédia: Produção Daniela Busoli e Leonardo Lessa Lopes por Formata Produções

AS DUAS IRENES
Roteiro Original: FABIO MEIRA

BEDUINO
Trilha Sonora: JULIO BRESSANE

REAL – O PLANO POR TRÁS DA HISTÓRIA
Roteiro Adaptado: MIKAEL DE ALBUQUERQUE

O RASTRO
Efeito Visual: OMAR COLOCCI

CORA CORALINA – TODAS AS VIDAS
Longa-metragem Documentário: Produção Marcio Curi e Elizabeth Curi por AsaCine Produções

QUEM É PRIMAVERA DAS NEVES
Montagem Documentário: GIBA ASSIS BRASIL

WAITING FOR B
Montagem Documentário: ABIGAIL SPINDEL

UM TIO QUASE PERFEITO
Longa-metragem Infantil: Produção Mariza Leão e Erica Iootty por Morena Filmes

AS AVENTURAS DO PEQUENO COLOMBO
Longa-metragem Animação: Produção Marco Altberg por Indiana Produções

BRUXARIAS
Longa-metragem Animação: Produção Otto Guerra e Marta Machado por Otto Desenhos Animados e Chelo Loureiro por Abano Producións

BUGIGANGUE NO ESPAÇO
Longa-metragem animação: Produção Ale McHaddo, Carolina Frattini, Guilherme Machado de Sá, Stefanie Borges, Melina Manasseh por 44 Toons

HISTORIETAS ASSOMBRADAS – O FILME
Longa-metragem animação: Produção Mayra Lucas e Paulo Boccato por Glaz Entretenimento

LINO – UMA AVENTURA DE SETE VIDAS
Longa-metragem animação: Produção Rafael Ribas e Eliane Ferreira por Startanima

André Di Mauro tem um histórico multidisciplinar que inclui trabalhos como escritor, diretor, produtor e ator. Trabalha na área audiovisual desde o início dos anos 90 quando dirigiu a série de tv Pousada Búzios (TVE). Foi o criador do primeiro Curso de Cinema de Nível Superior da Cidade do Rio de Janeiro na Universidade Estácio de Sá onde trabalhou como Diretor Acadêmico por dez anos. Nesta época atuou como produtor executivo em dezenas de curta-metragens. Em 2017 recebeu o prêmio especial “Brasileirinho” no IV Festival Brasil de Cinema Internacional pelo conjunto da obra e sua contribuição ao cinema brasileiro. Em 2018, seu curta-metragem, o documentário “Moon Effect”, recebeu o prêmio de “Melhor Curta-Metragem Documentário” no Canadá Independent Film Festival.

Humberto Mauro

por André di Mauro

“Em 1938 meu tio-avô Humberto Mauro esteve no Festival Internacional de Cinema de Veneza com o filmes “O Descobrimento do Brasil”, “Vitória-Régia” e “Céu do Brasil” e foi a primeira vez que um cineasta brasileiro representou o Brasil em um evento de cinema internacional e agora exatamente 80 anos depois estamos de volta a Veneza e justamente com um documentário sobre a vida dele. Será um momento único para celebrar, divulgar e promover o cinema brasileiro.

Estamos concorrendo ao Leão de Ouro dentro do programa “Venice Classics Documentary Films”.

http://www.labiennale.org/en/cinema/2018/lineup/venice-classics/humberto-mauro

Adriana L. Dutra é cineasta e documentarista. É Diretora Executiva e fundadora do Grupo Inffinito, responsável pela idealização e produção do Circuito Inffinito de Festivais, composto por festivais de cinema brasileiro em 10 cidades pelo mundo: Miami, New York, Londres, Barcelona, Madri, Roma, Buenos Aires, Vancouver,
Montevidéu e Canudos. Dirigiu diversos conteúdos no setor audiovisual. Idealiza, produz e dirige eventos culturais. É formada em Artes Cênicas pela Casa de Artes Laranjeiras (Rio de Janeiro).

Experiência Profissional:

Setor audiovisual:

• Direção e Roteiro do longa metragem documental Sociedade do Medo (2018)
Em pré produção.
• Direção e Roteiro para Série para TV Opção América (2018).
• Direção e Roteiro do longa metragem documental Quero Botar Meu bloco Na
Rua (2017).
• Direção e Roteiro para Série para TV Transgente (2017).
• Direção e Roteiro para Série para TV Opção Laje (2016).
• Direção e Roteiro longa metragem Documental Quanto tempo o tempo tem
(2015).
• Direção e Roteiro documentário Mulheres da Maré (2012).
• Direção e Roteiro para série para TV Fumando Espero – A Série, (2009).
• Direção e Roteiro do longa metragem do Documentário Fumando Espero
(2008).
• Direção e Roteiro Documentário Caravana MT – Concertos Pela Paz (2008).
• Produção Executiva do Curta metragem Pioneiros (2007).
• Produção internacional do programa Muvuca para a TV Globo (2000).

• Filmes em curta-metragem:

⇒ 2010 / Vídeo Homenagem – Andréia Beltrão
⇒ 2008 / Vídeo Homenagem – Cinema Contemporâneo Brasileiro
⇒ 2008 / Vídeo Homenagem – Walter Carvalho
⇒ 2007 / Vídeo – Lights, Brazil, action
⇒ 2007 / Vídeo – New name, same success
⇒ 2007 / Vídeo Homenagem – Ney Latorraca
⇒ 2007 / Vídeo Homenagem – Roberto Farias
⇒ 2006 / Vídeo – 10 years of Brazilian cinema at foreign land
⇒ 2006 / Vídeo – Our time has come
⇒ 2006 / Vídeo Homenagem – Betty Faria
⇒ 2006 / Vídeo Homenagem – Nelson Pereira dos Santos
⇒ 2005 / Vídeo – Travel to Brazil without leaving the theatre
⇒ 2005 / Vídeo – No one will miss it
⇒ 2004 / Vídeo – Fertilizing the movie industry
⇒ 2004 / Vídeo – Keep your eyes open
⇒ 2003 / Video – Yes, we make wonderful movies
⇒ 2002 / Cinema – A vacation from Hollywood
⇒ 2001 / Cinema – A celebration of quality arts

• Comerciais para TV:

⇒ 2000 / Comercial para TV da turnê internacional de “MARISA MONTE"
⇒ 2000 / Comercial para TV da turnê internacional “JOBIM MORELEMBAUM
⇒ 1999 / Comercial para TV da turnê internacional de “LULU SANTOS
⇒ 1999 / Comercial para TV da empresa Transmares Travel
⇒ 1999 / Comercial para TV da turnê internacional de “MORAES MOREIRA”.
⇒ 1999 / Comercial para TV da turnê internacional de “ARMANDINHO e Trio
Elétrico”
⇒ 1999 / Comercial para TV da turnê internacional de “CLAUDINHO &
BUCHECHA”
⇒ 1998 / Comercial para TV da turnê internacional de “GABRIEL O
PENSADOR”
⇒ 1998 / Produção do Curta Metragem “O Tempo das Uvas”, de Dulce
Bressane”
⇒ 1997 / Comercial para TV da empresa Uno Remitance
⇒ 1997 / Comercial para TV “VULCANO PARTIES”
⇒ 1996 / Comercial para TV “HALLOWEEN”

Idealização, Curadoria e Direção - CIRCUITO INFFINITO DE FESTIVAIS:

• BRAZILIAN FILM FESTIVAL OF MIAMI (1996 a 2018)
• BRAZILIAN FILM FESTIVAL OF NEW YORK (2003 a 2014)
• CINE FEST BRASIL-CANUDOS (2008 a 2017)
• BRAZILIAN FILM FESTIVAL OF LONDON (2009 a 2014)
• CINE FEST BRASIL-MONTEVIDÉU (2010 a 2015)
• CINE FEST BRASIL-BUENOS AIRES (2008 a 2011 e 2016)
• CINE FEST BRASIL-BARCELONA (2006 a 2009)
• BRAZILIAN FILM FESTIVAL OF VANCOUVER (2008 a 2010)
• CINE FEST BRASIL-ROMA (2007 a 2009)
• CINE FEST BRASIL-MADRI (2008 e 2009)

Direção de eventos culturais e sociais:

• Viena, Cidade dos Sonhos – MAM, Rio de Janeiro (2014)
• 15 x Áustria – Cidade das Artes, Rio de Janeiro (2014)
• Uma Noite em Viena – Palácio da Cidade, Rio de Janeiro (2013)
• Verão do Rio – Marina da Glória e Centro Cultural Ação da Cidadania, Rio de
Janeiro (2011, 2012 e 2013)
• Cinema da Gente – Comunidades pacificadas, Rio de Janeiro (2011 e 2012)
• B-A-BÁ do Cinema Nacional – Rio de Janeiro, Minas Gerais, Bahia, Espírito Santo
e São Paulo (2003 a 2011)
• Projeto Ecocine – Complexo da Maré, Rio de Janeiro (2011)
• Expo Lamsa: Arte de Comunidade – Complexo da Maré, Rio de Janeiro (2011)
• Conexão Brasil: Gincana Cultural – Espaço das Américas, São Paulo (2010)
• Verão do Morro – Morro da Urca, Rio de Janeiro (2009 e 2010)
• Conexão Samba – Sambódromo, Rio de Janeiro (2009)
• TAM Cine Club – Miami (2005 e 2006)
• Lançamento da Fispal Latino em Miami – Viscaya Palace, Miami (2004)
• Exposição fotográfica de William Claxton – TIM Festival de São Paulo (2004)
• Assessoria técnica, planejamento estra
• Show Banda Blitz – Moseum, São Paulo (2010)
• Show Banda Liverpool, São Paulo (2010)
• Show Leonardo, São Paulo (2010)
• Show Maria Rita – Mistura Fina, Rio de Janeiro e Emotion Bar, São Paulo (2009)
• Show Silvia Machete – Nova Iorque (2009)
• Show Bruno e Marrone – Espaço das Américas, São Paulo (2009)
• Show Capital Inicial – Citi Bank Hall, Rio de Janeiro e São Paulo (2009)
• Show Titãs – São Paulo (2009)
• Show J Quest – Natal (2009)
• Show Silvia Machete – Central Park, Nova Iorque (2009)
• Show Seu Jorge – Palco Redecard – Jazz Mania, Rio de Janeiro (2008)
• Show Toni Garrido – Lincoln Theatre, Miami (2008)
• Show Maria Rita – Central Park, Nova Iorque (2008)
• Show Vanessa da Mata – New School, Nova Iorque (2007)
• Show AfroReggae – Central Park Nova Iorque (2007)
• Show João Suplicy – Central Park, Nova Iorque (2007)
• Show Subversões da dupla Luis Salem e Aloísio de Abreu – Miami (2007)
• Apresentação da dupla “Subversões” (Aloísio de Abreu & Luís Salem) – Colony
Theatre, Miami Beach (2007)
• Show Lenine – Central Park, Nova Iorque (2006)
• Show Seu Jorge – Jackie Gleason Theatre, Miami (2006)
• Show Gabriel, O Pensador – Central Park, Nova Iorque (2005)
• Show Margareth Menezes – Central Park, Nova Iorque (2004)
• Show Araketu – Central Park, Nova Iorque (2004)
• Show Olodum – Lincoln Theatre, Miami Beach (2004)
• Show Fernanda Porto – Lincoln Theatre, Miami Beach (2003)
• Show ao ar livre Renata Arruda – Praia de Miami Beach (2002)
• Apresentação Intrépida Trupe – Colony Theatre, Miami Beach (2002)
• Show Marília Pêra e Banda – Cine TAM, Miami (2001)
• Show Marisa Monte – Gusman Theatre, Miami (2000)
• Show Jobin Morelembaum – Lincoln Theatre, Miami Beach (2000)
• Show Lulu Santos – Knight Center, Miami (1999)
• Show de Moraes Moreira ao ar livre – praia de Miami Beach (1999)
• Show de Armandinho e Trio Elétrico ao ar livre – praia de Miami Beach (1999)
• Show de Claudinho & Buchecha – Cameo Theatre, Miami Beach (1999)
• Show Gabriel O Pensador – Cameo Theater, Miami Beach (1998)
• Show Elba Ramalho – Cameo Theater, Miami Beach (1997)

Formada em Cinema pela Universidade Federal da Bahia, tem mais de 25 anos de experiência no mercado audiovisual, é uma das referências do cinema brasileiro. Coordenou a produção do primeiro longa-metragem baiano no período que marcou a volta da produção audiovisual brasileira depois da ditadura – 3 Histórias da Bahia – em 2001, produzido pela Truq Filmes e Vídeos.

Em seguida foi responsável em Salvador pela produção do filme Tieta, de Cacá Diegues, e do documentário Filhos de Ghandi, de Lula Buarque de Holanda.

Fundou a Araçá Filmes, onde foi produtora do filme Estranhos, de Paulo Alcântara, e produtora associada dos filmes Capitães da Areia, de Cecília Amado, Jardim das Folhas Sagradas, de Pola Ribeiro e Brilhante, de Conceição Senna.

Foi responsável pela produção em Salvador do videoclipe Eles Não Olham pra Nós (They Don’t Care About Us) de Michael Jackson, com direção de Spike Lee.

Hoje encontra-se às vésperas de filmar três longas: o filme Longe do Paraíso, que terá a direção de Orlando Senna; Nina, com direção de Paulo Alcântara; e A Pele Morta, que teria direção do seu marido, Geraldo da Rocha Moraes, e com o seu falecimento será dirigido pelos enteados, Bruno Torres e Denise Moraes.

Criou, junto com seu esposo, a CBDC – Centro Brasileiro Pela Diversidade Cultural, responsável por organizar o I Encontro Internacional da Diversidade Cultural, iniciativa que reuniu, em 2009, representantes de organizações culturais de mais de 40 países.
Fundadora e ex-presidente da Associação Baiana de Cinema e Vídeo (ABCV), Lima também foi presidenta da Associação Brasileira de Documentaristas e Curta-Metragistas (ABD Nacional) por duas gestões. Foi Diretora de Regionalização e Descentralização da Associação de Produtores e Cineastas de Longa-Metragem do Norte-Nordeste (APCNN).

Integrou o Conselho Consultivo do Congresso Brasileiro de Cinema (CBC). Também foi titular no Conselho Superior de Cinema (CSC), no Conselho Consultivo da SAV (CCS) e do Conselho Nacional de Políticas Culturais (CNPC) do MinC.
Com uma estendida experiência em direção de produção e comercialização atuou na produção de diversos curtas e longas de ficção e documentários. Leva na bagagem não só o aprendizado prático de anos de produção, mas o amor e a paixão pelo cinema.

CINEMA

O SOM AO REDOR – Kleber Mendonça
A BEIRA DO CAMINHO – Breno Silveira
HISTÓRIAS DE AMOR DURAM APENAS 90 MINUTOS – Paulo Halm
A FEBRE DO RATO – Claudio Assis
BAIXIO DAS BESTAS – Claudio Assis
PIEDADE – Claudio Assis
BRODER – Jefferson D.
HOTEL ATLÂNTICO – Suzana Amaral
O CÉU DE SUELY – Karin Aïnouz
MALU DE BICICLETA – Flavio Tambellini
A GLÓRIA E A GRAÇA – Flavio Tambellini
É PROIBIDO FUMAR – Anna Muylaert
QUE HORAS ELA VOLTA – Anna Muylaert
AS DUAS IRENES – Fabio Meira
CINEMA, ASPIRINAS E URUBUS – Marcelo Gomes
A FESTA DA MENINA MORTA – Matheus Nachtergaele
AMOR SEM FRONTEIRAS – Marcelo Santiago

Entre outros…

TV – SÉRIES

ALICE/NA MODA – HBO – Karin Aïnouz
A PEDRA DO REINO – REDE GLOBO – Luis Fernando Carvalho
A MULHER INVISÍVEL 1ª e 2ª temporada – REDE GLOBO – Claudio Torres
ONDE NASCEM OS FORTES – REDE GLOBO – José Luís Villamarim

Formada em Cinema e Artes Cênicas, assina como diretora em longa e curtas-metragens já premiados em festivais de cinema nacionais e internacionais. Já exerceu várias outras funções da área cinematográfica e audiovisual. Trabalha com cinema desde 2001 e idealizou em 2009 o circuito cineclubista “nuCINECLUBE” e a SECINE – Semana de Cinema Estácio.
Atualmente trabalha como Coordenadora de Produção no Curso de Cinema da Unesa, campus João Uchôa, orientando, produzindo, finalizando e distribuindo projetos de curtas-metragens universitários.

Em outubro, a cidade de Madri sediará um encontro mundial de Academias de Cinema.

Participarão cerca de 40 Academias com o propósito de pensar os desafios no desenvolvimento cultural de cada país e no intercâmbio entre nações.

Nesse encontro serão estabelecidas as bases de uma futura Federação Internacional de Academias de Cinema.

Bárbara Paz é atriz, diretora e produtora. Gaúcha de Campo Bom, formada pela Escola e Teatro Macunaíma e pelo Centro de Pesquisa Teatral CPT de Antunes filho . No Grupo Tapa Protagonizou vários espetáculos teatrais ,de Oscar Wilde a a Tennessee Williams . Em 2013, pela sua trajetória como atriz, recebeu do Ministério da Cultura a Medalha Cavaleiro 2013, Honra ao Mérito Cultural do Ministério da Cultura. Bárbara, que também é contratada da TV Globo, apresenta o programa “A Arte do Encontro”, no Canal Brasil, aonde conversa com grandes nomes do cenário artístico brasileiro. No cinema, participou de varios filmes , seu filme mais recente é “Meu amigo Hindu”, uútimo filme de Hector Babenco ao lado de Willem Dafoe e atualmente finaliza o documentário “Mr. Babenco”, que marca sua estreia como diretora em longa-metragens.

Produtor cultural e cineasta, é fundador e dirigente da DBCA – Diretores Brasileiros de Cinema e do Audiovisual, Associação Geral de Diretores Autores Brasileiros, pioneira sociedade de gestão coletiva de direitos autorais de criadores audiovisuais brasileiros, desde 2014.

Bacharelado em Cinema pela Escola de Comunicações e Artes Universidade de São Paulo (USP), em 1983.

Em 2015 concluiu o longa-metragem documentário e a série de TV intitulados MÁRIO WALLACE SIMONSEN, ENTRE A MEMÓRIA E A HISTÓRIA, produzido pela Zabumba Audiovisual e Expressões Culturais, com lançamentos previstos para 2018. Finalizou o seu longa-metragem AMPARO, produzido por Fino Trato Consumação de Imagens, em 2014, baseado no romance “Nadando contra a Morte”, de Lourenço Cazarré.

Lançou em 2009 o telefilme CARRO DE PAULISTA, do qual é diretor, roteirista e produtor. Exibido pela TV Cultura.

Em 2010 realizou o longa-metragem “DORES & AMORES”, baseado no livro de Claudia Tajes, coprodução luso-brasileira, entre Filmes do Fundo (Lisboa – Portugal) e a Veredas Comunicação e Arte, cuja primeira exibição deu-se no III Festival de Cinema de Paulínia- SP .

Ricardo dirigiu ainda os longas-metragens “Querido Estranho”(2004), baseado na comédia dramática “Intensa Magia”, de Maria Adelaide Amaral e “Sua Excelência, o Candidato” (1992), adaptação da comédia de Jandira Martini e Marcos Caruso.

Ricardo Pinto e Silva exerce também as funções de roteirista, produtor executivo, assistente de direção, tendo colaborado em mais de 25 longas-metragens em sua filmografia.