Sofia Wickerhauser

Cineasta apaixonada por Cinema Queer, fotografia, anime e videogames. Com sua produtora White Wolfy, é conhecida hoje por seu olhar sensível e pontos de vista surpreendentes.

Dirigiu, roteirizou e produziu quatro curtas de temática LGBTQIA+ – “Haiku de um Poeta Morto”, “Infinito Enquanto Dure”, “Top 10 Lugares em São Paulo” e “Poente” – que foram exibidos em mais de 200 festivais – como o BFI Flare, Frameline, Leeds Internacional, Seattle Internacional, Palm Springs – e ganharam diversos prêmios. Co-fundadora da AbrAce (coletivo que luta pela visibilidade sobre as assexualidades), ela lançou em 2019 o curta ‘Infinito Enquanto Dure’, famoso mundialmente por ser o primeiro filme de ficção sobre a assexualidade. Selecionado em 70 festivais, ganhou diversos prêmios de melhor filme, direção e roteiro.

Com um amor ardente por curtas e tendo assinado a produção de mais de 10 curtas, desde 2018 faz parte do comitê de seleção do Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo, e em 2020 também fez parte do comitê de seleção do Mix Brasil. Em 2021 se tornou curadora do importante festival de Boston Wicked Queer em sua 37 º edição, e visionadora do 5º Ramsgate International Film & TV Festival.

Em 2018, ganhou uma bolsa de estudos para um Mestrado em Roteiro na prestigiada universidade Goldsmiths, em Londres, onde escreveu seu primeiro longa-metragem de realismo fantástico (em desenvolvimento). Em Londres, além de participar das produções de comerciais para grandes marcas como Fanta e Samsung, trabalhou na Peccadillo Pictures, uma das principais distribuidoras de cinema independente no Reino Unido, colaborando em campanhas de distribuição de longas do mundo inteiro.

Atualmente atua em São Paulo como agente de distribuição com portfólio de mais de 10 curtas, além de dar aulas de distribuição e participar de comitês de seleção de diversos festivais.



Seja um associado

Seja sócio da Academia Brasileira de Cinema e participe da votação e da premiação mais importante do Cinema Brasileiro.