Com a reencarnação em Stop-motion de seu tio como copiloto, Rafael Terpins empreende uma viagem para a São Paulo dos anos 70 para reviver a história do Joelho de Porco, banda pioneira do rock brasileiro que “era punk por que não tinha outro nome para dar pra coisa”. Terpins compõe um réquiem sincero para seu tio Tico, o eterno piadista. O filme se esquiva das artimanhas usuais do rockumental e evita impor o mito do gênio roqueiro, pelo contrário, invoca a pessoa e exibe todas suas virtudes e contradições, sem cair no melodrama nem em grandiloquências, com a sensibilidade e o frescor de uma criança que desenha esse tio que aparece na TV e tanto admira.

Trailer

Ficha Técnica

Duração: 76 minutos
Ano de Produção: 2017
Produção: Rafael Terpins por A Fantástica Fábrica de Filmes

INDICADOS

Direção: Rafael Terpins
Direção de Fotografia: Humberto Bassanelli
Direção de Arte: Rafael Terpins
Roteiro Original: Rafael Terpins
Figurino: Rafael Terpins
Maquiagem: Rafael Terpins
Efeito Visual: Mateus de Jesus
Montagem: Caio Rodriguez
Som Direto: Lum/Eduardo Hideki
Edição Sonora: Pedro Cortez
Mixagem: Pedro Cortez
Trilha Sonora Original: André Abujamra
Atores:
Ricardo Petraglia como Ticozinho
Rafael Terpins como Rafael Terpins

Fotos:

Seja um associado

Seja sócio da Academia Brasileira de Cinema e participe da votação e da cerimônia de premiação mais importante do Cinema Brasileiro.