JULIANA SAKAE

Juliana Sakae é jornalista e documentarista com foco em questões sociais, direitos humanos e da criança. Seu primeiro filme, Bleu et Rouge, conta a história do Haiti através dos olhos de sete adolescentes haitianos e foi filmado no verão anterior ao terremoto de 2010 no Haiti. Bleu et Rouge foi exibido em vários festivais no Brasil e também foi usado para arrecadar fundos para as vítimas do terremoto no Haiti. O documentário Antigirl, sobre um artista de rua de Los Angeles, ganhou o prêmio de Melhor Curta Doc no Festival de Cinema e Roteiro de Los Angeles e foi selecionado no Female Eye Film Festival, em Toronto. Ela também trabalhou no longa-metragem The Human Trial e na série documental da Netflix Making a Murderer. Além de produtora, Sakae é especializada em gerenciar campanhas de premiação, impacto e distribuição, depois de ter trabalhado como Awards Manager para a International Documentary Association em Los Angeles e Associate Director na Good Docs.